Volta ao Mundo com a Liza – Carta 53 da Liza à GeoStar

Bali

E quando o visto nos obriga a sair do país e temos a oportunidade de regressar a um dos lugares que mais gostamos no Mundo inteiro?
É preciso ter muita sorte!!!
Pois é, o visto de turista na Austrália, é de um ano, mas com saídas obrigatórias a cada 3 meses.
Bali é, por norma, o destino mais económico e próximo (ainda que tenha viajado 20h) e por isso aqui estamos nós de novo a fazer uma vida de cortar os pulsos: dormir bem, comer bem, massagens, passeios, escrita e contemplação.
Eu amo Ubud, como sabem, e só quando regressei tive noção da sorte que tenho em ter que sair da Austrália cada 3 meses.
Um constrangimento maravilhoso!
Há cafezinhos novos, as lojas estão com novas colecções, e está cheio, ao contrário do que seria suposto dado as chuvas. Mas, Bali é sempre bom, e recebe sempre bem!
Bali está pois em época de chuvas. Está húmido, chove todas as tarde e noites, está menos calor mas mais pegajoso.
Está óptimo para caminhadas quase sempre regadas com chuvas refrescantes que nos obrigam a parar e apreciar a natureza.
Percebi, por exemplo, que as borboletas que sempre me acompanham nestes passeios, na sua maioria, não aguentam a força da chuva e morrem.
Bem sei que têm vida curta, mas dá que pensar como algo tão importante para o resto da natureza, pode ser fatal para seres tão belos como as borboletas.
Por outro lado, penso que minutos antes de morrerem, essas mesmas borboletas, estavam a fazer o que mais gostam, a voar livremente ao sol, a pousar nas flores que escolheram, a viver uma vida plena e Feliz!
Há dias atrás, por ocasião da morte do pai do Ikea, vi quem são os 10 homens mais ricos do Mundo. Com mais de 30 mil milhões de euros nas suas contas creio que nenhum deles tem metade da minha riqueza.
As memórias do que vivi por este Mundo fora, as paisagens que tive oportunidade de apreciar, as lições de vida que tive o privilégio de aprender, o enorme prazer de usar a liberdade que me foi dada para ser verdadeiramente livre…. Não trocaria a minha incalculável riqueza por a deles todos juntos!
E isso, sentir isso, é o que importa nesta Vida não é mesmo?
Vemo-nos, muito em breve, num outro lugar na Austrália, boa?!

Liza

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>